Quem sou eu

Minha foto

Numa busca interior, descobri em Cristo a unificação universal com o cosmo, assim como Jesus afirma ser ele e o pai um único ser(João 10.30), descobri que somos um tambem com o criador, alguns o chamam de "Arquiteto do universo", outros de "Mente criadora", eu prefiro chamar apenas de "Pai", pois o Genesis não diz que Deus parou para pensar no que ia fazer, e pelo que sei é isso que um arquiteto faz, ele pensa, planeja, calcula, mas Deus apenas disse e aconteceu como falou, creio no poder da palavra, e sei que mudanças poderosas podem ocorrer coforme o que você pronuncia, você pode ter uma vida de sucesso falando coisas boas ou uma vida penosa e sofredora falando palavras malditas, que tendemos a chamar de palavrões. Desejo poder iluminar sua vida com o que for postado nesse bloger, e que a paz do Senhor Jesus, que é a mais profunda a se desejar, superabunde em seu ser e dê o despertar cósmico de sua consciência que você tanto deseja

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Católico sim, romanista não


Católico sim, romanista não
A igreja católica tem sido ao longo do tempo vitima de uma serie de acusações, umas verdadeiras, outras não, em sua grande maioria são apenas insinuações, mas na verdade existe a banda podre, como em qualquer outro segmento onde pessoas trabalham, pois tenho a certeza de que onde está os homes, ali está o erro.
Criada por Constantino, em 325, através de um concilio em Nicéia, teve seu domínio durante a idade média, levando muitos a morte, erros terríveis como culto aos mortos, idolatria, e proibição do matrimônio aos lideres da mesma, indo contra tudo o que a bíblia ensina e alegando que a escritura tem o mesmo nível do que tradição.
O termo católico, significa universal, e sob essa ótica, eu sou mesmo universal, pois meu Senhor domina todo o universo, sou apostólico, pois creio no ensino que os apóstolos de Cristo nos deixou através das escrituras, mas não sou romano, pois em primeiro lugar, nasci no Brasil, nunca estive na Itália, muito menos conheço o vaticano, logo, sou brasileiro e com muito orgulho.
Em segundo lugar, os romanos sempre tiveram uma história cheia de sangue, executaram Jesus e os primeiros cristãos, que são os verdadeiros, porem mortos pelos mesmos, possuem uma história cheia de orgia, maus-tratos, homossexualismo, e uma serie de coisas que não da pra narrar agora
Paulo em sua carta aos romanos nos da uma ideia do que era a igreja daquela região já em sua época :
1)      Idólatras (Romanos 1.25);
2)      Lesbianismo (Romanos 1.26);
3)      Homossexualismo (Romanos 1.27);
4)      Maus e pecadores (Romanos 1.28-32).
A igreja começou com o próprio Senhor Jesus e em seus sermões, após sua morte e ressureição, os discípulos deram continuidade, mas, existiram mentirosos e ladroes que tomaram a liderança com o tempo, que são os gnósticos, estes foram conhecidos por Constantino, e esses ganharam o poder de Roma e lá estão até hoje.
Martin Lutero se levantou contra isso, trazendo a bíblia de volta para o povo, que é o lugar dela, e sempre foi, mas hoje, parece que alguns, mesmo se dizendo evangélicos, tentam tirar a autoridade dela, e dão ao homem pecador, ladrão e mentiroso.

sábado, 5 de janeiro de 2013

Jesuítas, os dominadores do mundo


Os jesuítas foram os responsáveis pela transformação do pontificado, transformando os padres de médicos da alma em agentes proveitosos de interesses mundanos, pois nenhum rico morria sem que um Jesuíta tivesse boa parte de seu testamento, isso por volta do século XVIII ainda hoje acontece assim. Não importa se acabasse a igreja católica, ou mesmo se o mundo todo se convertesse ao protestantismo, se existisse ambiciosos, hipócritas e vis, o domínio da terra não podia fugir de suas mãos.
Até hoje quem manda ou desmanda na igreja católica não é o pontífice da mídia, e sim o papa negro, que é o manda chuva, o ”dono do mundo”. 
Para os leitores ter a ideia do que digo, dou-lhes um pequeno exemplo histórico. O papa Clemente XVI,          que ficou no pontificado desde 1705 até 1774. Ele fez uma burla papal decretando o fim dos jesuítas, mas, em 1815, Gregório          VII restituiu a ordem. Clemente XVI, segundo consta a historia oficial, morreu de pneumonia obtida durante uma procissão, isso em 1774, ou seja, quase um ano depois de fazer a extinção da ordem, mas na verdade não foi a pneumonia quem o matou, e sim o veneno.
Nos tempos atuais, os Jesuítas são a maior ordem católica, com 19216 membros, espalhados por 112 países e seis continentes. O novo papa negro é o Adolfo Nicolas, o trigésimo desde seu satânico fundador Inácio de Loyola, foi eleito pela ordem em 19 de Janeiro de 2008, e, é claro, foi logo reconhecido pelo papa Bento XVI.
SE você acha que sou louco ou estou inventando, o ex- sacerdote jesuíta, o doutor Roberto Rivera (tradutor do livro “A historia secreta dos jesuítas, do autor Edmund Paris), diz: “Os homens mais perigosos são aqueles que aparentam muita religiosidade, especialmente se estão organizados e detém posições de autoridade, contando com o profundo respeito do povo, o qual ignora seu sórdido jogo pelo poder nos bastidores.
Esses homens chamados religiosos, que fingem amar a Deus, recorrerão ao assassinato, incitarão revoluções e guerras, se necessário, em apoio a sua causa. São políticos ardilosos, inteligentes, gentis e de aparência religiosa, vivendo em um obscuro mundo de segredos, intrigas e santidade mentirosa.”.

a verdade sobre a maçonaria e os senhores do mundo

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

A VERDADE OCULTA DA MAÇONARIA


MAÇONARIA
Não posso falar muito sobre tal fraternidade, mas acredito que não é uma religião, pois segundo consta, para ser uma religião é necessário garantir a salvação, acreditar em uma teologia específica e converter os  não fiéis. A maçonaria não faz nenhuma das três, pois ela não promete salvação, não tem uma teologia específica, nem tentam converter ninguém. Na verdade nas lojas maçônicas, conversas sobre religião são proibida, mesmo tendo como  pré-requisito acreditar em uma força superior.
Quanto ao fato de a maçonaria dominar o mundo, o próprio Dan Brown em seu livro “O símbolo perdido”, diz que ela possui desde um bando de velhotes inofensivos que gostam de se fantasiar, até um concluo de figurões que controlam o mundo.
No livro maçônico “O papa negro”, conta a origem da fraternidade e bem como o verdadeiro dominador do mundo, pasmem, todos os loucos da internet com suas teorias da conspiração paracem errar nesse ponto.
Segundo o autor, existia uma antiga ordem que apoiava Roma durante a idade medieval chamada de Templários, mas, devido a riqueza que possuíam, os templários foram saqueados, presos, assassinados, e o seu gão mestre, Jaques de Molay, foi queimado vivo; Mas, antes de morrer, ele levantou as mãos para os céus e suplicou a Deus que no prazo de um ano e um dia chamasse a seu tribunal para o julgamento eterno o papa ( Clemente VI)  e o rei ( Filipe o belo), o que aconteceu no prazo determinado, pois o rei caiu do cavalo durante um passeio e foi comido por javalis, e o papa, morreu envenenado, após comer uma refeição a base de Amanita phaloides , um cogumelo altamente toxico, isso em 1534.
Com a morte de Jaques de Molay, houve uma terrível perseguição aos templários, e esses se espalharam, e na Espanha, mudaram o nome da ordem para Maçonaria, que quer dizer pedreiros livres.
Nessa mesma reunião, um de seus membros foi excomungado da ordem por pensar que os mesmos deveriam usar seu poder e influencia para dominar o mundo. Este era um dos sete luminares da ordem, e que também era um monge católico.
Esse homem, após atravessar uma doença que o deixava coxo, passou a se flagelar, mendigar, sofrer flagelos e por fim se refugiou em uma gluta, onde lhe apareceu um anjo e o ensinou a maneira de conduzir os homens a fé, obediência e o caminho do céu, que era o de reduzir as almas mais rebeldes em submissão, e que elas fossem como um cadáver nas mãos do cirurgião, que seria seu diretor espiritual.
“Ensinaremos aos povos que eles devem obedecer com submissão e medo aos seus soberanos, e prestaremos aos reis esse apoio, obrigando-os a governar segundo a vontade e os fins da nossa companhia. Por meio dos colégios dominaremos a mocidade, por meio dos confessionários dominaremos as consciências; os penitentes, aterrados pelo rigor fanático dos dominicanos e dos franciscanos, acorrerão ao nosso tribunal de penitencia, onde a moral será suave , o perdão fácil e o juiz indulgente...irmaos, ewscutai-me: Este modo, se consentirdes em transformar a nossa ordem no sentido que vos peço, dentro de vinte anos, não é preciso de mais, nós seremos os senhores do mundo”.
O homem referido chamasse Inácio de Loyola, fundador da companhia de Jesus (Jesuitas espanhóis), que é  hoje, a maior ordem religiosa católica do mundo. O próprio Joseph Ratzinger(Bento XVI), pertence a essa ordem, ele mesmo em 1981, foi nomeado prefeito da congregação para doutrina da fé, cargo esse que foi responsável pela inquisição.
Inacio de Loyola foi canonizado 12 de março de 1622. A bula de canonização menciona duzentos milagres operados por sua intercessão?