Quem sou eu

Minha foto

Numa busca interior, descobri em Cristo a unificação universal com o cosmo, assim como Jesus afirma ser ele e o pai um único ser(João 10.30), descobri que somos um tambem com o criador, alguns o chamam de "Arquiteto do universo", outros de "Mente criadora", eu prefiro chamar apenas de "Pai", pois o Genesis não diz que Deus parou para pensar no que ia fazer, e pelo que sei é isso que um arquiteto faz, ele pensa, planeja, calcula, mas Deus apenas disse e aconteceu como falou, creio no poder da palavra, e sei que mudanças poderosas podem ocorrer coforme o que você pronuncia, você pode ter uma vida de sucesso falando coisas boas ou uma vida penosa e sofredora falando palavras malditas, que tendemos a chamar de palavrões. Desejo poder iluminar sua vida com o que for postado nesse bloger, e que a paz do Senhor Jesus, que é a mais profunda a se desejar, superabunde em seu ser e dê o despertar cósmico de sua consciência que você tanto deseja

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

A gravata

Certa vez, ouvi alguem dizer que a gravata foi inventada por um homossexual, e por isso não deveria ser usada por nenhum cristão. Semana passada ouvi um pregador afirmar que foi Luiz XIV quem a inventou.hoje, ao começar a ler o livro de Dan Brown, descobri que seu uso é mais antigo do que isso. segundo ele, a gravata remontava à fascalia de seda usada pelos oradores romanos para aquecer as cordas vocais, e que vinha de um bando de cruéis mercenários croatas que amarravam lenços em volta do pescoço antes de partir para a batalha. Até hoje, guerreiros corporativos modernos a usam para intimidar os inimigos nas batalhas diarias das salas de reunião.
“Por volta do ano 1635, cerca de seis mil soldados e cavaleiros vieram a Paris para dar suporte ao rei Luis XIV e ao Cardeal Richelieu. Entre eles, estava um grande número de mercenários croatas. O traje tradicional destes soldados despertou interesse por causa dos cachecóis incomuns e pitorescos enlaçados em seu pescoço. Os cachecóis eram feitos de vários tecidos, variando de material grosseiro para soldados comuns a seda e algodão para oficiais”. Os franceses logo se encantaram com esse adereço elegante e desconhecido, que chamaram de cravat, que significa croata. O próprio rei Luis XIV ordenou que seu alfaiate particular criasse uma peça semelhante ao dos croatas e que a incorporasse aos trajes reais.
Acredito que vale a pena se sentir bem e apresentável, seja ou não com a tao falada gravada.

7 comentários:

  1. sou o adorador ed d eus. ex musico da banda de forró calcinha preta, ouça meus videos..

    https://www.youtube.com/watch?v=lqcDFuC-2do

    ResponderExcluir
  2. http://glauberataide.blogspot.com.br/2008/08/gravata-como-smbolo-do-pnis-algumas.html

    ResponderExcluir
  3. Sinto informar, mas a informação está errada. Os romanos usavam uma espécie de cachecol de seda. Já a gravata, foi inventada por um francês no final do século XVII, quando passava por Paris um regimento croata. Foi inspirada, e não copiada deles. O que era um lenço enrolado ao pescoço, se tornou uma pequena faixa de duas pontas laterais com um nó no meio (gravata borboleta). Recebeu o nome de gravata, pois, significa croata em francês.Foi sim, inventada por um homossexual, e não vejo mal nenhum nisso. Acho que ees tipo de boicote ou proibição só mostraria o quanto o ser humano é preconceituoso e ignorante. o homem considerado o pai dos algoritimos, base da computação, Alan Turing, era homossexual nem por isso deixamos de aprender matemática na escola. Ou vamos tirar nossas crianças da escola também?

    ResponderExcluir
  4. Onde vc conseguiu tais informações pois se falamos tal coisa foi por pesquisar na internet se não temos todas as informações necessária dai-nos um pouco do vosso conhecimento. Diga onde conseguiu por favor.

    ResponderExcluir